Conheça a Historia da Associação Comunitária do Guarani de Campos Sales

Na década de 80, frente ao cenário de grandes desigualdades sociais, na periferia do município de Campos Sales-Ceará, em 01/07/1987 foi fundada a Associação Comunitária do Guarani, uma Organização não governamental. Nesta época as famílias viviam situações de extrema pobreza, com altos índices de desnutrição, crianças fora da escola, dentre outros indicadores de vulnerabilidades sociais. Líderes das comunidades fundaram a organização na perspectiva de contribuir com mudanças e transformações da realidade social que estavam inseridos. Logo a organização passou a ser reconhecida com personalidade jurídica, natureza filantrópica, sem fins econômicos, Utilidade Pública Municipal/Estadual e Federal, registrando-se no CNAS e certificada pelo CEBAS. Por mais de 10 anos atuou de forma assistencialista, porém, após mudanças no contexto social começou a desenvolver ações socioeducativas, artísticas e culturais que contribuíssem efetivamente para o desenvolvimento de crianças, adolescentes e famílias presentes no território de sua atuação, as quais ainda vivenciam situações de vulnerabilidades sociais. Nessa trajetória, passamos a desenvolver projetos sociais e culturais mediante participação em diversos editais e conseguimos nos firmar no cenário social local, regional e estadual com o apoio de parceiros governamentais e não governamentais. Também conquistamos prêmios, e isso nos levou ao reconhecimento como uma organização da sociedade civil de fortalecimento da defesa e garantia dos direitos de crianças e adolescentes.

                Atualmente, a Associação Comunitária do Guarani atende a 418 famílias que encontram se em situação de risco social dos bairros dos bairros: Guarani, Nossa Senhora da Penha, Conjunto Santa Clara, e Conjunto Nova Barragem     

 

     A Associação Comunitária do Guarani é uma organização não governamental, de natureza filantrópica, sem fins econômicos, reconhecida de Utilidade Pública Municipal/Estadual e Federal, registrada no Conselho Nacional de Assistência Social/CNAS e portadora do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social /CEBAS, inscrita no CNPJ 06.744.502/0001-03 e legalmente constituída desde 01 de julho de 1987, com sede na Rua da Felicidade, 281 - Bairro Guarani, no município de Campos Sales/Ceará.

                Há mais de trinta anos a organização desenvolve ações de promoção e inclusão social para famílias em situação de risco e vulnerabilidade social do município, atendendo crianças, adolescentes e jovens, buscando estratégias inovadoras com ênfase nas políticas públicas sociais, desenvolvendo programas, projetos e serviços socioassistenciais, através de atividades socioeducativas, esportivas, artísticas e culturais com enfoque no fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários.

 Atualmente, a Associação Comunitária do Guarani atende a 430 famílias em situação de vulnerabilidade social e econômica oriundas dos bairros periféricos do município de Campos Sales.

 

 

Nossa Missão

Contribuir para o desenvolvimento integral de crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade socioeconômica, promovendo a defesa dos direitos e o fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários.

 

Nossa Visão

Tornar-se uma organização de referência na oferta de programas, projetos e serviços socioassistenciais voltados para o enfrentamento das vulnerabilidades sociais.

 

Nossos Valores

Respeito-Solidariedade- Diversidade-Transparência e Autonomia

 

 

PROJETOS E PROGRAMAS DESENVOLVIDOS

 

Atuamos com desenvolvimento de ações de promoção e inclusão social das famílias em situação de risco e vulnerabilidade social do município, buscando estratégias inovadoras com ênfase nas políticas públicas sociais, desenvolvendo serviços, programas socioassistenciais, através de atividades socioeducativas, esportivas, artísticas e culturais  com enfoque no fortalecimento dos vínculos familiares e comunitários, promovendo resultados positivos  e contribuindo para uma nova realidade social de crianças , adolescentes, jovens e suas respectivas famílias.

 

 

Protagonismo Social

 

Ações que incentivam a participação popular, visando o desenvolvimento de competências e habilidades para a vida social, estimulando a participação em outros espaços que permitam o exercício da cidadania e do controle social.

 

 

Oficinas Socioeducativas, artísticas  e  Culturais

 

Ações continuadas com a formação de grupos de convivência que possibilitam a ampliação do universo informacional, artístico e cultural, estimulando o desenvolvimento de potencialidades e habilidades das crianças e adolescentes, com foco na música e outras linguagens artísticas e culturais.

 

Oficinas Esportivas e Recreativas

Ações que promovem práticas esportivas e recreativas em espaços de referência para o convívio grupal, comunitário e social, contribuindo para o desenvolvimento de habilidades, relações de afetividade, solidariedade, respeito mútuo, com foco na valorização da cultura popular.

 

 

Oficinas Lúdicas

Ações conjuntas com crianças e familiares que possibilitam o fortalecimento dos vínculos, evidenciando vulnerabilidades e prevenindo situações de risco, centradas no resgate das brincadeiras  e pautando-se na concepção que faz do brincar e da experiência lúdica uma forma privilegiada de expressão, interação e proteção social.

 

Protagonismo Juvenil

Ações que colaboram para a formação dos grupos e redes de jovens destinados à participação sociocultural, fortalecendo a identidade, o desenvolvimento de competências para a compreensão crítica da realidade social e  da participação cidadã.

 

PARCERIAS

 

Atualmente, para o êxito de suas ações e consecução de seus objetivos, a Associação Comunitária do Guarani conta coma  parceria  do Criança Esperança e localmente com os equipamentos sociais: Escolas Públicas Municipais e Estaduais, CRAS, CREAS, CVT, Secretarias municipais de Educação, Agricultura ,Assistência Social, Saúde, Cultura e Esporte, Conselho Tutelar e Conselhos de Políticas Públicas Setoriais.       






Postar um comentário

0 Comentários