O Crato receberá R$ 914.489,34, da Lei de Emergencial Cultural, Lei Aldir Blanc. A Lei visa reduzir os impactos da Pandemia do Covid 19, no setor cultural do país. Fruto de uma ampla mobilização nacional envolvendo parlamentares, militâncias partidárias, pontos de cultura, coletivos artísticos e diversos segmentos da cultura. A Lei orienta para a criação de comitês com a participação social, o Crato criou o seu comitê que deverá se reunir nos próximos dias e é composto por representantes do Conselho Municipal de Políticas Culturais do Crato, sociedade civil, representação de legislativo municipal, Secretaria Municipal de Cultura e de outros órgãos da gestão, o qual tem a finalizar de acompanhar a implementação da Lei.




                                     Crato realiza Conferência Municipal da Cidade, nesta quinta-feira, 5 -  Gazeta do Cariri - Notícias da região do Cariri, Ceará, Brasil e do Mundo.

                                      Foto : Gazeta do Cariri 



A Lei Aldir Blanc prevê auxilio emergencial mensal no valor de R$ 600,00 para trabalhadores e trabalhadoras da cultura, subsídio aos espaços e iniciativas culturais, política de editais, prêmios e aquisição de acervos. O Estado é responsável pelo auxilio emergencial e política de editais, prêmios e aquisição de acervos. Já os municípios pelo subsídio aos espaços e iniciativas culturais e também pela política de editais, prêmios e aquisição de acervos.
Para serem beneficiados pelo município, os trabalhadores e representantes de espaços e iniciativas culturais devem fazer o cadastro no Mapa Cultural do Crato, no seguinte endereço: http://www.crato.ce.gov.br/mapacultural
A Lei Aldir Blanc tem caráter de proteção social e as diretrizes para a sua implementação devem observar os aspectos da diversidade estética e artística, cidadania cultural, particularidades do setor cultural e as situações de vulnerabilidade social e de sobrevivência e manutenção dos espaços culturais e iniciativas culturais. Umas das novidades é que organizações sem CNPJ também pode serem beneficiadas.

O Comitê é formado pelos seguintes membros:
Jose Wilton Soares e Silva - Secretário Municipal de Cultura; Valcicleia Nunes Ferreira Feitosa -Secretária Adjunta Da Cultura; Samya Ribeiro Alencar -Tecnica em Turismo do Município; Heitor Feitosa Macedo – Advogado e pesquisador, Raimundo Amadeu de Freitas -Vereador e membro da Comissão de Cultura da Câmara Municipal; Jose Gabriel Ferreira Campos -Produtor Cultural; Carlos Allan Neves Bastos –integrante do Conselho Municipal de Políticas Culturais e fotógrafo; Karine Feitosa Carlos Santana – integrante Conselho Municipal de Políticas Culturais e Jose Patrício Pereira Melo – diretor de cultura do Geoparck Araripe/Urca

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib