Últimas Notícias

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA : Augusta Brito vai propor nota de repúdio a ataques contra jornalista


Augusta Brito vai propor nota de repúdio a ataques contra jornalista foto : Júnior Pio
 
A deputada Augusta Brito (PCdoB) informou, durante as explicações pessoais da sessão plenária desta quarta-feira (12/02), que irá propor uma nota de repúdio contra os ataques pessoais à jornalista Patrícia Campos Mello, feitos durante depoimento na CPMI das Fake News, na última terça-feira (11/02). 
 
A parlamentar ressaltou que a jornalista foi insultada pelo ex-funcionário da Yacows, empresa responsável por disparos em massa de mensagens de Whatsapp e que é investigada pelas ações durante a eleição de 2018. As declarações foram consideradas ofensivas e geraram indignação de jornalistas de todo o Brasil, que publicaram um manifesto.

Augusta Brito leu um trecho do documento que relata o fato. “Sem apresentar qualquer prova ou mesmo evidência, o depoente acusou a repórter, uma das mais sérias e premiadas do Brasil, de se valer de tentativas de seduzi-lo para obter informações e forjar publicações. 

É inaceitável que essas mentiras ganhem espaço em uma Comissão Parlamentar de Inquérito, que tem justamente como escopo investigar o uso das redes sociais e dos serviços de mensagens como Whatsapp para disseminar fake news”, diz trecho do manifesto.

A parlamentar também criticou as declarações do depoente e ressaltou que “não poderia deixar passar em branco esse ataque tão sério. Não podemos aceitar esse tipo de desconstrução misógina”, pontuou.

Assessoria de Comunicação