Residência Multiprofissional Do HRSC Realiza Treinamento Sobre Parada Cardiorrespiratória - Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

O Blog mais completo do interior do Ceará com compromisso com a notícia.

Breaking

01/07/2021

Residência Multiprofissional Do HRSC Realiza Treinamento Sobre Parada Cardiorrespiratória



Para o treinamento, os residentes contaram com a ajuda de metodologias ativas como a gamificação e a simulação realística. Na ocasião, eles produziram um jogo de dominó com conteúdo temático referente à parada cardiorrespiratória, reforçando o aprendizado teórico da capacitação.
 Os estudantes da residência multiprofissional do Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), unidade da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) administrada pelo Instituto de Saúde e Gestão Hospitalar (ISGH), realizaram na última quinta-feira (24), uma “Simulação realística de parada cardiorrespiratória” para os profissionais das unidades de AVC e do Centro de Imagem e diagnóstico da unidade hospitalar.

“Queríamos algo que não fosse cansativo, fosse lúdico e diferente do uso de slide tradicional. Em equipe, resolvemos fazer o treinamento da parte teórica na forma de um dominó, o dominó da parada cardiorrespiratória. Cada peça contém uma pergunta e a outra peça possui uma resposta, montando o dominó”, explica a nutricionista residente Alane Sousa.

Em seguida, ocorreu a simulação realística, momento facilitado pela médica Rafaela Feitosa, o enfermeiro Renan Soares e o fisioterapeuta José Antônio Neto. As equipes foram divididas, simulando as funções e o que cada um poderia fazer se estivessem em uma situação de parada cardiorrespiratória.

Segundo o fisioterapeuta residente Jorge Hiago, as unidades foram escolhidas para o treinamento porque o atendimento à situação de parada cardiorrespiratória não é algo frequente, necessitando de um aprimoramento contínuo. “Esperamos que com o treinamento as equipes possam ser protagonistas e possam disseminar as informações, e quando passarem por uma situação parecida, saibam agir de forma organizada, sem pânico”, explica.

Metodologias Ativas

O enfermeiro residente Weslley Alves explica que o uso das metodologias ativas ajuda a estimular o trabalho em equipe. “Queremos que as pessoas possam trabalhar em equipe. Não necessariamente com as pessoas que são da sua convivência, que elas estão acostumadas. Mas que possam trabalhar com qualquer pessoa, de uma maneira geral”, pontua.

Já para a Coordenadora de Enfermagem da Unidade AVC Agudo e Subagudo, Mara Cibely, o treinamento com métodos ativos de ensino permite que os profissionais possam fazer uma aplicação imediata do que foi aprendido com competência e segurança, proporcionando ao paciente uma qualidade na assistência.

“Pretendemos continuar realizando essa educação continuada em outros momentos e sobre outras situações emergenciais que precisam de uma tomada de decisão imediata e uma assistência segura e de qualidade”, afirma a enfermeira.

O treinamento foi uma realização da Residência Multiprofissional em parceria com a Unidade AVC Agudo e Subagudo, Centro de Imagem e Diagnóstico, com o apoio do Centro de Estudo do HRSC.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.