PIS/Pasep: mais de R$ 1,5 bilhão ainda não foi sacado em todo país; Prazo para retirada do dinheiro acaba dia 30 - Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

O Blog mais completo do interior do Ceará com compromisso com a notícia.

Breaking


20/06/2021

PIS/Pasep: mais de R$ 1,5 bilhão ainda não foi sacado em todo país; Prazo para retirada do dinheiro acaba dia 30

 


Milhares de trabalhadores brasileiros têm R$ 1,5 bilhão a receber parados na Caixa e no Banco do Brasil (BB) referente ao dinheiro do abono salarial do PIS/Pasep e que pode ser sacado até o dia 30 deste mês. Após isso, só será disponibilizado de novo no calendário do ano que vem. O valor pago no abono é de até um salário mínimo e tem direito ao benefício quem trabalhou com carteira assinada ou como funcionário público no ano anterior. Além disso, é preciso ter recebido em média até dois salários mínimos por mês. Quem trabalha no setor privado pode fazer o saque na Caixa. Servidor público retira no dinheiro no Banco do Brasil.

O R$ 1,5 bilhão está dividido assim: R$ 1,2 bilhão de recursos do abono não sacados em outros anos está parado na Caixa; outros R$ 214 milhões do abono do atual calendário também está na Caixa e R$ 100 milhões do abono do atual calendário está esquecido no Banco do Brasil

Tem direito ao benefício quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano anterior; ganhou, no máximo, dois salários mínimos por mês, em média; está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos. Também é preciso que a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente ao governo

O valor pago é de até um salário mínimo (R$ 1.100, em 2021) e varia de acordo com o tempo que a pessoa trabalhou. Se ela trabalhou o ano todo, recebe um salário mínimo. Se trabalhou um mês, ganha proporcionalmente: 1/12 do salário mínimo. Segundo o Ministério da Economia, os valores são arredondados para cima. Quem trabalhou por um mês, por exemplo, teria direito a R$ 91,67 de abono. Com o arredondamento, o trabalhador recebe R$ 92.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.