Ricardo Silveira convoca reunião entre prefeitos do Sertão Central para discutir plano unificado de combate ao coronavírus

 








                   


Discutir meios que possam ser usados de forma coletiva para fortalecer a luta contra a pandemia. É esse o objetivo do prefeito de Quixadá, Ricardo Silveira. O gestor está liderando um movimento que deverá reunir prefeitos e prefeitas de cidades da região para alinhar estratégias que ajudem no combate ao coronavírus no Sertão Central.

De acordo com Ricardo Silveira o objetivo é reunir os prefeito para compor um plano que possa ser executado em todas as cidades sem nenhuma alteração, considerando o cenário pandêmico de cada município. Ele convidou os prefeitos e prefeitas das outras nove cidades que compõe o Consórcio Público de Saúde do Sertão Central: Banabuiú, Choró, Ibaretama, Ibicuitinga, Milhã, Quixeramobim, Senador Pompeu, Pedra Branca, Solonópole. O encontro acontece de forma virtual, nesta sexta (26).

Silveira vê como oportuno o encontro, possibilitando a exposição da realidade de cada município e a partir do conhecimento de cada situação, pensar em medidas que possam ser usadas na construção de um plano que se torne executado em todas as cidades. “Esse cenário cada vez mais complexo e difícil tem cobrado de nós, prefeitos, ações mais enérgicas no enfrentamento da pandemia. Penso que juntos, unindo forças, e elaborando estratégias de forma alinhada que possam valer para toda a região, conseguiremos resultados mais otimistas”, afirmou o prefeito de Quixadá.

Quixadá e todas as cidades que fazem parte do Consórcio foram inseridas em uma recomendação específica feita a um total de 170 municípios pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesa). Parte das medidas elencadas na recomendação, já estão sendo cumpridas. O Comitê Especial de Enfrentamento ao Covid-19 (CEEC) de Quixadá deverá se reunir para discutir a nota e estudar formas de otimizar o trabalho de cumprimento e fiscalização do decreto em vigor.


                         Monólitos Post 

Postar um comentário

0 Comentários