O embate entre as famílias Ferreira Gomes e Bolsonaro promete esquentar nas eleições municipais, apesar do presidente  ter anunciado hoje (8)  que não irá subir em nenhum palanque eleitoral desse ano.

Nas redes sociais, os ataques dos Ferreira Gomes ao Presidente da República não cessam. Anda neste sábado (8), Ciro Gomes disparou como sempre sua metralhadora giratória com as seguintes palavras:  “Ele corrompeu os três filhos, ensinando a fazer, como ele, o desvio de dinheiro dos gabinetes nas rachadinhas e recibos fraudulentos de gasolina e outras despesas fictícias para botar o dinheiro no bolso.”

E disse mais: “Comprovado agora. Ele (Bolsonaro) usou a esposa atual como testa de ferro para receber dinheiro público desviado por Queiroz para si”.

Longe dos palanques

O Presidente Bolsonaro não respondeu aos ataques de Ciro e, em um encontro hoje em Brasília com o presidente do Grupo Paraná Pesquisas, Murilo Hildago, afastou a possibilidade de apoiar algum candidato a prefeito na primeira rodada de votação prevista para novembro próximo.

“Não pretendo participar das eleições municipais em Primeiro Turno”, disse o chefe do Executivo no café da manhã com Hidalgo.

Presidente Jair Bolsonaro tomou café da manhã, hoje (8) , em Brasília, com o empresário Murilo Hidalgo, presidente do Grupo Paraná Pesquisas  
 cn7

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib