Um escândalo, com o vazamento do áudio de uma conversa entre o deputado estadual Bruno Gonçalves (PL) para reeleger a mãe, Marta, vereadora em Fortaleza, cria uma verdadeira saia justa para o prefeito do Eusébio, Acilon Gonçalves, nos preparativos das eleições de 2020.
A voz de Bruno, na conversa com o suplente de vereador Maninho, é nítida, revela detalhes sobre a forma como é usado o dinheiro público e de assessorias de gabinete para montar os esquemas que garantem votos para eleger vereadores.
Bruno, bem à vontade, revela os bastidores políticos para reeleger a mãe à Câmara Municipal, cita o prefeito Roberto Cláudio nas articulações para ampliar a base partidária no pleito municipal deste ano e cria constrangimento ao pai, Acilon, que é o chefe político do PL e que quer, eleger, a partir da prefeitura do Eusébio, pelo menos, 8 prefeitos na Região Metropolitana, além de reeleger a esposa Marta à Câmara Municipal de Fortaleza.
Entre os prefeitos que Acilon quer eleger está o próprio Bruno, que é pré-candidato à Prefeitura de Aquiraz. A riqueza de detalhes, do formato didático para financiamento legal e ilegal de campanhas eleitorais, pode, porém, tirar Bruno Gonçalves da corrida pela Prefeitura de Aquiraz e abalar a liderança de Acilon Gonçalves na Região Metropolitana de Fortaleza.
Acompanhe a gravação do áudio que vazou da conversa de Bruno Gonçalves com o suplente de vereador. O áudio foi veiculado, nessa quarta-feira, pelo site Terça Livre. O site diz que procurou, mas Bruno não se pronunciou.
+Veja mais  
Ceará agora 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib