Jair Bolsonaro e Sergio Moro
Jair Bolsonaro e Sergio Moro (Foto: Antonio Cruz/ Agência Brasil)
Pesquisa FSB divulgada nesta quinta-feira, 13, pela Veja mostra aumento da diferença do presidente Jair Bolsonaro para seus mais prováveis adversários na disputa presidencial de 2020. As intenções de voto do presidente cresceram de 33% para 37%. No cenário com Fernando Haddad como candidato, 

o petista caiu de 15% para 13%, dentro da margem de erro de dois pontos percentuais. Haddad fica tecnicamente emparado com Luciano Huck (sem partido), que tem 12%, e com Ciro Gomes (PDT).
Nenhum adversário de Bolsonaro no cenário mais provável fica acima da opção "nenhum", que tem 16%.

CENÁRIO MAIS PROVÁVEL
Jair Bolsonaro - 37%
Nenhum - 16%
Fernando Haddad (PT) - 13%
Luciano Huck - 12%
Ciro Gomes (PDT) - 11%
João Amoêdo (Novo) - 4%
João Doria (PSDB) - 3%

Contra Lula

No cenário que inclui Lula, a disputa fica bem mais parelha para Bolsonaro. Os dois aparecem em empate técnico: Bolsonaro 31% x 28% Lula. Hoje, contudo, Lula está impedido de ser candidato pela lei da Ficha Limpa, devido às condenações em segunda instância.

Segundo turno

Nas simulações de segundo turno, Bolsonaro venceria Lula, Haddad, Luciano Huck ou João Doria. Contudo, fica atrás de seu ministro, Sergio Moro.
SIMULAÇÃO DE SEGUNDO TURNO
CENÁRIO 1
Bolsonaro - 50%
Haddad - 33%
CENÁRIO 2
Bolsonaro - 50%
Doria - 25%
CENÁRIO 3
Bolsonaro - 45%
Luciano Huck - 37%
CENÁRIO 4
Sergio Moro - 39%
Bolsonaro - 37%
CENÁRIO 5
Bolsonaro - 45%
Lula - 40%
O instituto FSB Pesquisa entrevistou dois mil eleitores nos 26 estados e no Distrito Federal. A pesquisa foi feita por telefone, nos dias 7 e 10 de fevereiro. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos


o Povo 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib