Governo Municipal implanta a Feira da Agricultura Familiar no Sítio Santo Antônio em Crato


Umas das ações que a Prefeitura do Crato, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Agrário e Recursos Hídricos (SMDARH), promove, incentiva e apoia são as feiras da agricultura familiar.

Desde o início da gestão, o prefeito Zé Ailton Brasil vem estimulando essas ações como espaços ideais para fomentar a geração de renda das famílias rurais, movimentar a economia local, como também, divulgar o que é produzido na região.

Neste sábado (14), a partir da iniciativa da Associação Comunitária do Santo Antônio, em parceria com a SMDARH e o Instituto Flor do Pequi, os produtores deram início à Feira da Agricultura Familiar do Sítio Santo Antônio.

Já na Vila Padre Cícero, a feira tem acontecido aos domingos. Ontem, cerca de 30 produtores agrícolas compareceram com verduras, animais, artesanato e alimentos. Segundo o presidente da Associação Comunitária da Vila Padre Cícero, Pedro Gonçalves, a cada edição tem mais procura dos agricultores e também da população.

Conforme explicou o secretário Carlos Freires, “um dos objetivos é o incentivo ao comércio local dos produtos da agricultura familiar produzidos pelos agricultores e agricultoras naquela comunidade”.

Elas acontecem periodicamente no Assentamento 10 de abril, Monte Alverne, Cruzeiro, Baixa do Maracujá, Vila Padre Cícero e da Bréa, fora as da sede, que acontecem na Vila Alta, Encosta do Seminário e Praça Bicentenário.

A comercialização dos produtos iniciou 7h, vizinho a Igreja da comunidade. Os produtores levaram uma grande variedade de produtos para serem comercializados, tais como frutas, hortaliças, ovos, doces e bolos caseiros.

Além da comunidades, também compareceram ao local o secretário Carlos Freires; o vereador Pedro Lobo; o assessor especial do gabinete, Zilcélio Alves e técnicos da própria secretaria.

Além de apoio às feiras, a SMDARH também tem acompanhado os produtores oferecendo a mínima infraestrutura, com a distribuição de barracas e, em breve, oferecerá condições para a certificação dos produtos orgânicos. “Estamos fechando uma parceria com a Enactus para realizar o acompanhamento dos produtores e toda produção, custo benefício e para a certificação de produto orgânico”, comentou a técnica Graça Almeida.