01/04/2021

Um dos líderes em doses aplicadas, Ceará recebe o 12º lote de vacinas contra Covid

 





O Ceará recebeu no final da tarde desta quinta-feira (1) mais 371.750 doses de imunizantes contra a Covid-19 para dar continuidade ao Plano Nacional de Imunização (PNI). O 12º lote de vacinas chegou ao Aeroporto Internacional de Fortaleza – Pinto Martins com 344.000 doses da CoronaVac e 27.750 da Oxford/AstraZeneca.

O governador Camilo Santana destacou que este é o maior lote de vacinas que o Ceará vai receber, o que deve acelerar a vacinação. A expectativa é iniciar já este mês de abril a terceira fase de vacinação. “As equipes de logística do Governo do Estado farão a distribuição à capital e para as 22 Áreas Descentralizadas de Saúde, que repassarão as vacinas a todos os municípios para dar celeridade ao processo de imunização”, disse.

Logística de distribuição

Assim como nos outros 11 lotes, as doses são distribuídas à Capital e aos municípios do Interior de forma proporcional, seguindo o plano de logística elaborado pelo Governo do Estado, operacionalizado pela Secretaria de Saúde (Sesa), para a continuidade do processo de vacinação em todo o Estado. Com seis rotas de distribuição aérea e duas terrestres, a estratégia tem o objetivo de garantir a conservação e agilidade no envio dos imunizantes para as 22 Áreas Descentralizadas de Saúde (ADS), responsáveis por articular a entrega do material junto à secretaria de saúde de cada município cearense em até 24 horas depois de sua chegada à Fortaleza.
Vacinômetro

O número de vacinas aplicadas pelos municípios é atualizado diariamente no Vacinômetro da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Na última quarta-feira (31) o Ceará superou a marca de um milhão de pessoas vacinadas, e com dados atualizados até o 12h desta quinta-feira (1), foram aplicadas 1.077.641 doses, sendo 851.824 da primeira dose e 225.817 da segunda dose.
“O lote de vacinas que desembarcou nesta quinta feira, 1º de abril, com mais de 371 mil doses, maior quantidade a chegar ao Ceará até então, representa uma segurança de que poderemos seguir com ritmo acelerado na vacinação e, assim, manter a posição de destaque nacional, pois somos um dos Estados que mais vacinam proporcionalmente às doses que recebe. O Governo do Ceará está em constante articulação com o Ministério da Saúde e os fabricantes de vacina para assegurar que os imunizantes cheguem sempre com maior frequência e quantidade, para darmos ainda mais celeridade à imunização da nossa população e consolidarmos esse importante passo no enfrentamento à Covid-19”, destaca o titular da Sesa, Dr. Cabeto.
Profissionais de segurança pública

Após solicitação do governador Camilo Santana junto ao Ministério da Saúde, o Ceará já está autorizado a iniciar a vacinação dos profissionais de segurança pública do Estado que estão mais expostos ao coronavírus. Segue ainda em análise do Governo Federal a reivindicação do governador para incluir também os professores nos grupos prioritários de vacinação.