Santuário Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão completa 26 anos de existência em Quixadá

 












Nesta quinta-feira, 11, é comemorado o dia de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, em Quixadá, no Sertão Central, bem como os 26 anos de história do Santuário, que recebe o mesmo nome.

O espaço, fundado pelo bispo emérito da diocese de Quixadá, Dom Adélio Tomasim, tem o intuito de fazer com que, conforme o próprio sacerdote, “muitos homens e mulheres que vivem longe de Deus encontrem, no local e no abraço da Mãe, o caminho da conversão que leva a Deus e transforma suas vidas”.

A construção do Santuário Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão começou em 1988, com a construção da estrada de acesso ao platô onde seria construída a igreja. Já em 1993, foi colocada a pedra fundamental. A inauguração do espaço ocorreu em 11 de fevereiro de 1995.

Dom Adélio Tomasin conta que a ideia para a criação do Santuário surgiu durante uma celebração na Catedral: “Depois da comunhão, não sei explicar como nem o porquê, veio-me a mente a seguinte frase: ‘Por que tu não pensaste em construir uma Casa para minha Mãe?’. E vi o Santuário entre os monólitos, um lugar que dominava o sertão.”

O Santuário Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão está localizado entre a Serra Branca e a Serra Preta, na Serra do Urucum.

Do Repórter Ceará (Foto: Arquivo/DN)

Postar um comentário

0 Comentários