Covid-19: ministério muda estratégia e diz que vai aplicar nova leva sem reservar estoque para segunda dose

 








               



O Ministério da Saúde anunciou que irá fazer uma mudança na estratégia da vacinação contra a Covid-19 para as novas doses da vacina. Agora, cada nova dose será aplicada a uma pessoa, sem reservar metade do imunizante para a segunda dose.

O ministério explicou que o ritmo de chegada de novas doses vai se acelerar daqui para frente, e não será mais preciso reservar metade dos imunizantes de uma leva para a segunda dose. A leva seguinte será suficiente para isso. Com isso, a população continuará tomando a segunda dose, mas a vacinação será mais rápida. A pasta informou que  4,7 milhões de doses das vacinas começarão a ser distribuídas a partir desta semana e que todos os imunizantes serão destinados apenas para a primeira dose.


   Ceará Agora 

Postar um comentário

0 Comentários