O Município de Quixeramobim chegou a marca de 100 mortes por Covid-19. A informação foi confirmada pela Secretaria de Saúde da cidade. A primeira morte por conta da doença na cidade foi em 10 de abril. A vítima, um trabalhador autônomo, de 58 anos, da localidade de Onça, zona rural da cidade. Na oportunidade a cidade tinha registrado naquele dia 4 casos confirmados de Covid-19.

Os 100 óbitos são contabilizados ao passo do registro de 2.448 casos confirmados. Há na cidade 55 pessoas infectadas em tratamento e 105 aguardando resultado de exames, o que representa um aumento de pessoas que apresentam sintomas da doença a procura de exames. 2.293 pessoas já se recuperaram. 3.647 exames já foram descartados.

A cidade conseguiu estabilização de novos casos em setembro, mas a preocupação voltou a tona em outubro, quando se registrou uma subida no número de mortes. Em outubro foram 4 registros, pouco mais de uma morte a cada dois dias no mês. O Município de Quixeramobim prorrogou o decreto de isolamento social no último dia 5. O documento estabelece o avanço para a fase 4 na reabertura da economia, ampliando alguns serviços, como: funcionamento de estabelecimentos para alimentação fora do lar entre 6 e 23 horas, mas desde que obedeçam distanciamento, ofereçam álcool em gel e demais medidas essenciais para o contágio da Covid-19. Atividades religiosas podem operar com até 50% de sua capacidade.

Embora não estando no texto do decreto, carros de horário poderão trafegar diariamente, desde que respeitem 50% de sua capacidade total de passageiros para tentar priorizar o distanciamento mínimo entre os ocupantes do veículo, além da disponibilidade de álcool em gel e uso de máscara. A informação foi confirmada pela secretária de Saúde, Leila Vasconcelos.

QUIXERAMOBIM AGORA

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib