O Comitê Científico coordenado pelo Governo do Ceará que acompanha a pandemia do novo coronavírus no Estado e delibera sobre ações a serem adotadas liberou municípios da macrorregião de Fortaleza a avançarem mais uma fase na retomada das aulas presenciais a partir do dia primeiro de outubro, informou o governador Camilo Santana, neste sábado (19).

O novo decreto autoriza o retorno das aulas, com 35% dos estudantes, da Educação de Jovens e Adultos (EJA); do 9º ano do ensino fundamental; a 3ª série do ensino médio, inclusive profissionalizante; e o 1º e 2º ano do ensino fundamental. A educação infantil passa a poder receber até 50% de sua capacidade.

Para tanto, as escolas terão que cumprir algumas medidas, como por exemplo realizar testes em profissionais e alunos. Camilo deixou claro que a reabertura ficará a cargo das prefeituras e escolas particulares.

Os municípios das demais macrorregiões do Ceará vão entrar na fase de transição, em que ficam liberadas atividades extracurriculares, aulas práticas e estágio para concludentes e não concludentes de cursos do ensino superior e educação infantil do setor privado com 35% de sua capacidade.

Sobre novos avanços na retomada presencial das aulas, o governador disse que o grupo de avaliação vai continuar estudando a melhor época para a liberação.

Com a proximidade das eleições municipais, uma das preocupações do Comitê Científico é que ocorram situações que levem risco à disseminação do coronavírus. Camilo Santana afirmou que nos próximos dias isso será debatido.

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib