O Ministério Público do Estado do Ceará através da Promotoria de Justiça de Iguatu emitiu Recomendação nessa terça-feira (11) ao prefeito municipal desta cidade que seja revogado o decreto local que autoriza as atividades religiosas de forma presencial, sejam elas integrais ou limitada.
O dispositivo assinado pela Promotora de Justiça Helga Tavares recomenda que o gestor público se abstenha de praticar qualquer ato de flexibilização das normas de isolamento social impostas pelo Estado do Ceará através do recente decreto ainda em vigor.
Conforme o MPCE o prefeito tem que informar as providencias adotadas para garantir imediato e integral cumprimento da recomendação.

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib