Após cinco meses da pandemia de Covid-19 ter chegado ao Ceará, os índices estão longe de serem os necessários. Apenas sete municípios estão com número de “média transmissão” e nenhum com “baixa transmissão” do novo coronavírus no Estado. Segunda a plataforma IntegraSUS, da Secretaria (Sesa) do Ceará, atualizada às 2h07 do dia 21/08. 

Foto: Lucas Moura/ O Estado CE

De acordo com a plataforma, são 177 cidades cearenses que apresentam taxas a cima de 1, indicando a ainda circulação do vírus. O índice inferior a 1 indica a não existência do vírus circulando, mas quando esse número é acima de 1, cada pessoa transmite para pelo menos mais uma pessoa.  

A plataforma IntegraSUS informa 0.66 de taxa de transmissão de novos casos. Sendo o menor número desde o início do mês, mas o pico aconteceu recentemente, no dia 18, chegando a 1.98 de taxa. 

A capital Fortaleza encontra-se com 0.87, média transmissão. Marcanaú está com 1, seguida de Caucaia, Maranguape e Crato com 0.99. A situação ainda é preocupante em Tauá (1.06), Icó (1.03), Aracati (1.03) e Brejo Santo (1.03).  

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib