Nesta segunda- feira, 24, de Carnaval Cultural a Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, através da Secult e OSC Zaíla Lavor, realizou uma programação mais extensa, dedicada a quem escolheu o Largo do Teatro Marquise Branca para se divertir e brincar a folia.
 
Resultado de imagem para CARNAVAL DE JUAZEIRO DO  NORTE MARQUISE BRANCA   Foram 4 atrações artísticas e 5 horas de música sem intervalo. O show de abertura ficou por conta da Banda de Música Padre Cícero que desde o início da festa animou o público com as tradicionais marchinhas de carnaval e o popular frevo pernambucano. Logo em seguida foi a vez do instrumentista Luciano Brayner apresentar aos foliões o show Da Rua. Com canções autorais e composições de outros artistas, o músico fez um espetáculo voltado à temática carnavalesca, com ritmos já consagrados e também estilos mais regionais, incluindo maracatu, frevo, afoxé e baião.
"Nossa ideia foi mostrar esta mistura da arte musical dos territórios, trazendo sons que tiveram sua origem na rua. O som cabaçal daqui do Cariri é uma destas influências", destacou.
  Dando continuidade ao festejo, a banda cratense Tambores do Axé fez a festa do público com uma seleção de batuques e musicalidades afro-brasileiras. No repertório apresentou canções emblemáticas da cultura carnavalesca, com destaque para os gêneros samba-reggae e afoxé baianos.
  Encerrando a programação Dj Fê Marques comandou o desfecho da noite inserindo mais uma roupagem musical no festival de estilos, cores e ritmos do Carnaval Cultural 2020, em Juazeiro do Norte.
Postagem Anterior Próxima Postagem