Deputado Agenor Neto solicita licença não remunerada por 120 dias



O deputado estadual Agenor Neto, confirmou na manhã desta quarta-feira (14), que se licenciou do mandato parlamentar para tratar de assuntos pessoais. Durante esse período – 120 dias - Agenor Neto não receberá remuneração.

O parlamentar afirmou que o motivo de seu licenciamento da Assembleia é para acompanhar de perto o tratamento de saúde do seu pai, o médico e ex-deputado José Ilo Dantas, que recentemente passou por mais um procedimento cirúrgico.

Agenor Neto pediu a compreensão da população cearense, principalmente no Centro Sul, sua principal base eleitoral. "Essa licença vai me proporcionar mais tempo para acompanhar o tratamento de saúde de meu pai, que por sinal é delicado. Em relação ao trabalho no nosso gabinete, vai continuar no mesmo ritmo, procurando sempre amenizar os problemas da população", disse o deputado.

Assume a vaga o ex-prefeito de Tejuçuoca e suplente, Edilardo Eufrásio (MDB).


Iguatu Noticias