Advertisement

Governadora Izolda Cela mantém recomendação de uso de máscaras em locais fechados e ambientes abertos com aglomeração, no Ceará

Uso de máscaras segue recomendado em espaços abertos com aglomeração, no Ceará — Foto: José Leomar/SVM

Uso de máscaras segue recomendado em espaços abertos com aglomeração, no Ceará — Foto: José Leomar/SVM


A governadora Izolda Cela informou nesta sexta-feira (24)) que está mantida a recomendação do uso de máscaras em locais fechados e ambientes abertos com aglomeração em todo o Ceará. A decisão foi anunciada após a reunião do Comitê Estadual de Enfrentamento à Pandemia.


"Seguimos com a recomendação do uso de máscaras em locais fechados, sobretudo escolas, e espaços abertos com aglomeração. Lembrando que o uso da máscara continua obrigatório no transporte coletivo e unidades de saúde (hospitais, UPAs, postos de saúde, policlínicas, etc)", disse a governadora em uma publicação nas redes sociais.

 

Conforme a governadora, a manutenção da medida é uma forma de evitar que o número de novos casos da Covid-19 se mantenha em alta. Na publicação, ela reforçou o apelo para que a população procure os locais de vacinação para receber o imunizante.

 "Reforço, mais uma vez, a importância de todos se vacinarem. Procurem os locais de imunização para receberem as doses de reforço. Seguiremos intensificando as ações de vacinação em todo o estado. Juntos, vamos superar essa pandemia", escreveu.

Vacinação contra a influenza


Fortaleza vai ampliar a vacinação contra a influenza para o público geral a partir da próxima segunda-feira (27). Pessoas a partir de seis meses de idade vão poder receber a vacina, conforme anúncio realizado nesta quinta-feira (23) pelo prefeito José Sarto. A vacina contra a influenza atua contra os vírus Influenza A (H1N1 e H3N2) e B.


O atendimento ocorre das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. Aos finais de semana, os postos Paulo Marcelo e Messejana vão estar funcionando das 8h às 17h. Para receber o imunizante é necessário a apresentação de um documento oficial com foto.

"É muito importante que a população procure uma de nossas unidades. A imunização é fundamental para evitar aumento do número de casos de síndrome gripal em Fortaleza', escreveu Sarto em uma publicação nas redes sociais.

Até então, a vacina contra a influenza estava sendo aplicada apenas nos grupos prioritários como gestantes, trabalhadores portuários, forças armadas, caminhoneiros, portadores de comorbidades, professores, entre outros.


Vacina contra a Covid


Mais de 373 mil pessoas de 40 a 49 anos no Ceará estão aptas a comparecer aos pontos de vacinação para receber a quarta dose da vacina contra a Covid-19 como o segundo reforço.

O Ministério da Saúde orienta que a proteção seja feita somente após quatro meses da aplicação do primeiro reforço, com os imunizantes da Pfizer, AstraZeneca ou Janssen.


Os vacinados inicialmente com a Janssen, que tenham a partir de 18 anos e menos de 40 e já tomaram a dose de reforço há mais de quatro meses, podem tomar uma nova dose. Pessoas com mais de 40 anos que tomaram a vacina da Janssen devem receber, ao todo, três doses de reforço.


                                       G1 Ce 

Postar um comentário

0 Comentários