Citado como nome do PDT ao Governo do Estado, Roberto Cláudio olha o retrovisor e passa a sentir a sombra de Evandro Leitão - Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

O Blog mais completo do interior do Ceará com compromisso com a notícia.

Breaking


17/07/2021

Citado como nome do PDT ao Governo do Estado, Roberto Cláudio olha o retrovisor e passa a sentir a sombra de Evandro Leitão




 O ambiente no PDT é de harmonia, não tem briga, nem disputa na corrida ao Governo do Estado em 2022, mas o terreno traçado como seguro pelo ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, pode apresentar trepidações e curvas que exigem dedicação e maior proximidade com a base política que cumprirá papel determinante na definição do nome a ser lançado à sucessão do Governador Camilo Santana (PT).

Ao transmitir o cargo de prefeito para o sucessor José Sarto no dia primeiro de janeiro de 2021, Roberto Cláudio animou os aliados mais próximos que o interstício fora do poder seria curto. Isso, porque, entre o Paço Municipal e o Palácio da Abolição a transição seria de apenas dois anos.

Aos correligionários, amigos e assessores, o contexto traçado pelo ex-prefeito era de que os bons índices de popularidade conquistados ao longo de oito anos o projetariam, sem maiores embaraços, na caminhada para uma candidatura ao Governo do Estado.   Essa linha de raciocínio não deixou de existir, continua valendo, mas, com o dinamismo da política, sombras e nuvens turvas podem surgir.

As nuvens que surgem ainda não dão motivos para preocupação, mas os amigos e assessores mais próximos já sentem uma sombra que ameaça fazer barulho, sem brigar, apenas na conversa e na costura. É, justamente, pelo retrovisor que a turma do ex-prefeito Roberto Cláudio se sente ameaçada.

A boa conversa, a paciência para ouvir e a visibilidade que o cargo proporciona levam o presidente da Assembleia Legislativa, Evandro Leitão (PDT), a entrar na lista de pré-candidatos ao Governo do Estado. E, nesse caso, Roberto Cláudio ganha, sim, um concorrente,  um adversário que dispõe de todos os instrumentos para aparecer, crescer e apresentar credenciais na hora da definição sobre o nome a ser lançado pelo PDT ao Palácio do Abolição.

O aperitivo desse cardápio surgiu, nessa quinta-feira, durante a sessão de encerramento das atividades do primeiro semestre de 2021. O presidente Evandro Leitão recebeu manifestações de apoio da maioria dos 46 deputados estaduais. Sobraram adjetivos para qualifica-lo como o cara.

Os colegas parlamentares fizeram questão de enaltecê-lo e engrandecê-lo pela competência de administrar da Assembleia Legislativa, com diálogo, paciência e humildade. Entre os elogios e as palavras de carinho, as declarações de apoio a qualquer desafio que Evandro Leitão queria enfrentar em 2022.


              Ceará Agora 

A maioria foi cautelosa e evitou falar em candidatura, mas outros o trataram como futuro governador, enquanto alguns prometeram apoio naquela de dizer ‘conte comigo para o que der e vier’. Com equilíbrio e sensatez, Evandro gostou do que viu e ouviu, mas mantém os pés firmes no solo que pisa e não dará qualquer passo que possa significar discórdia dentro do PDT e, especialmente, com o senador Cid Gomes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.