Assaré: ativista cultural Vavá Gois lança projeto de incentivo e preservação da cultura popular na Região.

 






             
                               
                  
Há alguns anos, o ativista desportivo e cultural Francisco Vagner Pereira Gois – o popularíssimo Vavá Gois, se dedica a atividades que envolvem o esporte amador e cultura popular no Município de Assaré.
A paixão pelo esporte amador nasceu dentro das quadras, quando era ainda adolescente. Como jogador, observava atentamente as falhas do time e passou a reclamar, gritando para cobrar mais atenção dos companheiros. Nascia assim, a sua vocação de liderar. Pouco tempo depois, Vavá encontrava-se à frete do esporte da cidade, organizando as modalidades amadoras até fundar a ADA – Associação dos Desportistas Assareenses. Esta entidade organizou vários eventos esportivos, incluindo-se entre eles a Copa Luana, um dos maiores eventos da modalidade de futsal do Estado, que recebe o apoio logístico do empresário Zé de Manezinho.
A partir de 2009, Vavá Gois assumiu o Departamento de Esportes, ligado à Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Desportos. Neste período registraram-se grandes eventos esportivos, como a vinda da Caravana do Esporte em parceria com ESPN de TV. Naquele mesmo ano, como presidente do Instituto O Canto do Patativa, uma entidade cultural que oferece cursos artísticos a crianças e adolescente, ganha o Criança Esperança do rede Globo e UNICEF.
Ficou no cargo até 2012. Já em 2017, fora ele nomeado pelo prefeito Evanderto Almeida para gerir a Secretaria Municipal de Cultura. Como titular da pasta, incrementou o esporte amador, conseguido importantes parecerias para dá sustentabilidade aos projetos destinados aos jovens atletas.
Pelo lado da cultura popular, implantou importantes projetos que revitalizaram manifestações culturais, muitas elas apagadas pelo tempo, que voltaram com força total e bem recebidas pelas comunidades. Neste sentido, devem ser mencionados os projetos “São João nas Escolas” e “Cordas e Violas”.
Outro projeto de resgate, renovação e motivação foi sem dúvidas o “Cordel na Feira”, montado em parceria com o SESC Crato. Com ele foram descobertos muitos talentos da poesia de cordel e estes autores tiveram as suas obras publicadas, gratuitamente.
Vavá deixou a SECULT Assaré no final do ano passado, mas independentemente de apoios governamentais ou não, o seu trabalho permanece ativo. “Eu tenho a cultura popular como um objeto que se encontra na minha responsabilidade. Para fazer isso, eu uso todas as ferramentas possíveis, entre elas a Internet. Hoje, quase todas as pessoas têm acesso a um celular ou a um computador. Então, estou na Internet agora com um projeto meio audacioso, mas eu vou em frente. A própria cultura me incentiva a vencer barreiras”, esclarece Vavá.
Na verdade, o ex-secretário assareense sempre foi ousado, além de saber fazer sem retroceder. Diante desta motivação própria, Vavá Gois esta lançando o “Projeto Cultura Por Todo Canto em Todo Lugar”, que brevemente poderá ser visto nas plataformas das redes socais. Sobre o mesmo, ele explica: “Terá uma grande importância para o enriquecimento ainda mais da nossa região, seus costumes e suas belezas. O projeto não tem fins lucrativos e sim, sociais. Todos estão convidados a participar, inclusive nos remetendo materiais e trazendo sugestões”.
Resta-nos agora, esperar acompanhar mais investida de Vavá no contexto da cultura popular – a cultura da identidade de um povo.
Curtam as nossas páginas:
Facebook
Instagram


Postar um comentário

0 Comentários