Emissora de rádio tem estação transmissora invadida no Sítio Mocotó, em Várzea Alegre

 







A emissora de rádio Elo Verde FM teve a sua estação transmissora invadida na noite da quarta-feira, 17, no Sítio Mocotó, Zona Rural de Várzea Alegre.

A informação foi confirmada pela própria emissora em suas redes sociais, na manhã desta sexta-feira, 19.

Conforme a nota, o crime ocorreu por volta das 19h30, e através das câmeras de segurança foi possível perceber que quatro indivíduos são os responsáveis pelo ato.

Os acusados danificaram o arame, que cerca o prédio, e quebraram os cadeados. No interior da estação, eles mexeram no transmissor e desmontaram peças. No entanto, mesmo com toda essa ação, não levaram nada, o que a emissora acredita ser um ato de intimidação.

A Rádio jamais será intimidada, vamos continuar sempre noticiando a verdade para a população de Lavras da Mangabeira e toda região Centro Sul do Ceará. Atacar a imprensa em sua missão de informar a população configura atentado contra a liberdade de expressão e o direito fundamental do acesso à informação, especialmente durante a pandemia global causada pelo novo coronavírus. Diz parte da nota.

A polícia está investigando o caso, inclusive analisando as imagens das câmeras, para identificar e prender os criminosos.

A Rádio Elo Verde tem 05 anos de fundação, a emissora tem sua sede localizada no município de Lavras da Mangabeira, porém sua estação fica em território varzealegrense.

Foto da estação | Redes sociais
   Várzea Alegre Agora 

Postar um comentário

0 Comentários