Maracanaú já tem protocolo assinado para aquisição da Coronavac

 




Maracanaú já tem garantida a aquisição da Coronavac, vacina contra o Coronavírus (Covid-19) desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantã, que teve ontem, 8, a eficácia comprovada e oficialmente anunciada pelo Governo de São Paulo. 

O prefeito Roberto Pessoa e o ex-prefeito e atual secretário de Relações Institucionais, Firmo Camurça, já assinaram, no último dia 21 de dezembro, o protocolo com o instituto Butantan para adquirir de forma prioritária a Coronavac. 

Roberto Pessoa já anunciou que os primeiros lotes serão para vacinar os profissionais de saúde e, em seguida, os grupos prioritários. 

O Governo de São Paulo informou, em coletiva de imprensa, que a Coronavac tem 78% de eficácia contra casos leves de Covid-19 que precisaram de alguma intervenção médica. O imunizante apresentou 100% de eficácia na prevenção de casos graves, moderados ou que precisam de internação hospitalar. 

Na prática, nenhum voluntário vacinado precisou ser hospitalizado por causa do novo coronavírus. O Instituto Butantan deve solicitar hoje, 8, à Agência Nacional de Vigilância Sanitária - Anvisa, a autorização para o uso emergencial do imunizante. 

Os testes clínicos da Coronavac no Brasil foram realizados com a participação de 12.476 voluntários, todos profissionais de saúde, em 16 centros de pesquisa no País.

Postar um comentário

0 Comentários