31 pessoas são detidas em festa com aglomeração no Beberibe; duas tinham sintomas de Covid-19

 





Entre os conduzidos estavam duas pessoas que apresentavam sintomas de Covid-19.  (Foto: Divulgação/PCCE)
Entre os conduzidos estavam duas pessoas que apresentavam sintomas de Covid-19. (Foto: Divulgação/PCCE)

Trinta e uma pessoas foram detidas na Praia de Beberibe neste sábado, 19, após a realização de festa e aglomeração, desrespeitando o Decreto Estadual com medidas para prevenção ao aumento de casos de Covid-19. Entre os conduzidos estavam duas pessoas que apresentavam sintomas da doença. A operação foi deflagrada pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) com o apoio da Polícia Militar do Ceará (PMCE).


A ofensiva faz parte das ações policiais na região com o intuito de coibir práticas que desrespeitem o decreto governamental de normas de combate à pandemia. No sábado, a ação aconteceu em um imóvel no bairro Marina do Morro Branco. Os policiais se depararam com 31 pessoas aglomeradas consumindo bebida alcoólica, o que demonstraria que havia acabado de ocorrer uma festa no imóvel. De acordo com informações, o número de presentes na casa era maior. Havia em torno de 40 pessoas na propriedade, mas uma parte já havia ido embora.


Todos foram conduzidos à Delegacia Municipal de Beberibe e autuados em flagrante por infringirem medida sanitária preventiva prevista no artigo 268 do Código Penal.

A operação da PCCE e da PMCE é realizada em todos os fins de semana na cidade de Beberibe por se tratar de uma região litorânea e com uma grande quantidade de casas de veraneio. De julho a novembro deste ano, foram apreendidos oito paredões de som e 20 procedimentos de Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) por som alto e aglomeração foram lavrados. A previsão é de que as ações prossigam nas festas de fim de ano de Natal e Ano Novo.

o Povo