Jovem tauaense pode ter sido morto por engano em Fortaleza

 




Foi sepultado na manhã deste sábado (28), no Cemitério São Judas Tadeu em Tauá, o corpo do jovem Fábio Jean Oliveira de Souza Júnior, 20 anos, vítima de um homicídio em Fortaleza. 

Fábio, que trabalhava numa casa de móveis, foi abordado por quatro homens que chegaram no local em um carro e o executaram a tiros. Em seguida os atiradores fugiram tomando rumo ignorado. 

Uma das linhas de investigação da Delegacia de homicídios é de que o tauaense tenha sido morto por engano, pois a vítima não possuia inimigos, não tinha passagem pela Polícia e nem envolvimento com situação ilícita.

Depois de passar por necropsia no IML de Fortaleza, o corpo do jovem foi trasladado para Tauá e velado na residência da N° 77, da Rua Daniel Alves Caracas, no Bairro Tauazinho.

O sepultamento aconteceu às 9h da manhã de ontem (28), no Cemitério São Judas Tadeu.

Repórter Lindon Johnson