As vaquejadas estão na lista dos eventos previstos para retomada permitida desde publicação do decreto estadual, no dia 3 de outubro, mas que proíbe a presença de público externo e diferencia as regras sanitárias por municípios do Ceará. Depois de sete meses sem a prática, durante a pandemia do novo coronavírus, os organizadores precisam buscar autorização com a Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri). 

Podem ser realizados eventos agropecuários na Região de Fortaleza, formada por 44 municípios, além do Litoral Leste, do Sertão Central e da Região Norte, apenas com participantes de práticas esportivas. A capacidade do público interno também varia de acordo com a Região de Saúde.

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib