O Sítio Urbano do Gesso, localizada nas margens da linha férrea, no percurso do Metrô do Crato à Escola Profissionalizante Violeta Arraes, no Crato, é reconhecido pela Lei Municipal nº 3.612, de 27 de novembro de 2019. A Lei estabelece mecanismos de apoio ao desenvolvimento do cultivo de plantas frutíferas e medicinais e indica órgãos municipais para dar suporte a experiência de agricultura urbana. Constantemente, é reivindicado que sejam efetuados serviços de capinagem, poda e retirada de lixo e entulho.
A comunidade está se organizando para construir oratórios nos locais onde descartam lixo, como forma de inibir a ação criminosa.
Diversas entidades que atuam no Território Criativo do Gesso, área que compreende a comunidade já encaminharam solicitações para a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial do Município visando reduzir os impactos do dano ambiental.
O último documento foi encaminhado pelo Coletivo Camaradas com uma série de reivindicações para a SAEAEC e a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial.





Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib