O prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra (PTB), que concorrerá, em 2020, a um novo mandato, viu, nas últimas horas que antecederam ao encerramento do prazo das convenções partidárias, antigos aliados se integrarem a candidaturas oposicionistas e enfrenta, também, como principal adversário, o histórico de derrota de todos os gestores municipais que tentaram, mas não conseguiram se reeleger na Terra do Padre Cícero.

A partir da vigência da emenda constitucional que permitiu aos Chefes de Executivo concorrerem ao segundo mandato consecutivo, Juazeiro do Norte teve, entre os gestores que ocuparam a Prefeitura, no período de 1997 a 2020, três prefeitos (Mauro Sampaio, Carlos Cruz e Manoel Santana) que disputaram à reeleição e foram derrotados. Nesse mesmo período – um (Raimundo Macedo), em duas oportunidades, não conseguiu, sequer, se lançar candidato a um novo mandato.

Eleito em 1996 à Prefeitura de Juazeiro do Norte, o então deputado federal Mauro Sampaio, filiado ao PDT, assumiu o cargo em 1997 e, em 2000, entrou na corrida pela reeleição, mas foi derrotado pelo antigo aliado Carlos Cruz (PFL). Carlos, a exemplo do antecessor, entrou, em 2004, na corrida pela reeleição e perdeu para Raimundo Macedo (PSDB), cria política de Mauro Sampaio.

Raimundão assumiu o comando da Prefeitura em 2005, se projetou com uma boa administração e, em 2008, ensaiou a renovação do mandato, foi traído dentro do próprio PSDB e, em uma manobra de aliados na Prefeitura, perdeu à indicação para concorrer à reeleição para o então deputado federal Manoel Salviano. Revoltado e com a chave do cofre, Raimundo Macedo se vingou de Salviano e passou a trabalhar para o candidato do PT, Manoel Santana, que acabou saindo vitorioso. Santana e Raimundão tiveram uma curta lua de mel e, em pouco tempo romperam e, nas eleições de 2012, se enfrentaram nas ruas.

Candidato à reeleição, Santana foi derrotado. Raimundão volta pela vontade popular ao comando da Prefeitura e, com uma administração desastrosa e marcada pelas denúncias de má gestão do dinheiro público, não conseguiu, sequer, terminar o mandato que se estenderia até o dia 31 de dezembro de 2015.

O afastamento de Raimundão levou à Prefeitura o vice Ivan Bezerra, irmão do atual prefeito Arnon Bezerra que, no dia 15 de novembro, disputará a reeleição. Arnon tenta quebrar o histórico de Juazeiro do Norte que, nos últimos 20 anos, não permitiu aos seus gestores políticos terem, pela força do voto, o mandato renovado.

Raio X de Juazeiro do Norte
NÚMERO DE HABITANTES
255.648
NÚMERO DE ELEITORES
174.694
NÚMERO DE VEREADORES
21

PREFEITOS ELEITOS COM DIREITO À REELEIÇÃO
1996 – Mauro Sampaio (PDT) *
2000 – Carlos Cruz (PFL) *
2004 – Raimundo Macedo (PSDB) **
2008 – Manoel Santana (PT) *
2012 – Raimundo Macedo (PMDB) ***
2016– Arnon Bezerra (PTB) ****

(*Prefeitos que disputaram à reeleição e foram derrotados

(**) Prefeito não conseguiu legenda para concorrer à reeleição

(***) Prefeito afastado após denúncias de desvio e má gestão dos recursos públicos
(****
) Prefeito em campanha pela reeleição 


 ( Ceará agora) 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib