Por iniciativa do 10º Batalhão da Polícia Militar de Iguatu, tendo à frente o tenente-coronel Giovani Sobreira, foi lançado nesta última quarta-feira (5), o programa Guardião da Família, que visa apoiar as mulheres e reprimir a violência contra elas.
Foi criado um novo canal de denúncias para ligações e pelo Whatsapp (88) 9.8178-2370 com sigilo garantido. O lançamento do Guardião da Família foi na sede do próprio Batalhão da PM de Iguatu.
A operacionalidade do trabalho preventivo e repressivo concatenado com a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), poder executivo (Cras), Ministério Público e o Judiciário. Os objetivos preponderantes do Programa Guardião da Família são atender as mulheres vítimas de violência familiar, incentivar o empoderamento feminino para realizar denúncias contra quaisquer tipos de violência que tenha sofrido ou esteja sofrendo.
Acompanhar as vítimas até a DDM – Delegacia de Defesa da Mulher para os procedimentos legais, assim como outras ações. Angariar o máximo de esforços para solidificação da Justiça contra o agressor e encaminhar as vítimas ao Cras – Centro de Referência e Assistência Social.
Assim dando um direcionando e um acompanhamento específico evitando traumas possíveis por conta de agressões.
O tenente coronel Giovani Sobreira revelou que todas as atividades desenvolvidas durante o mês serão devidamente informadas ao Ministério Público.
Por fim, o tenente coronel Giovani Sobreira, disse que o 10º BPM de Iguatu, almeja servir a sociedade cada vez mais e com esta ação poder garantir para as mulheres, forças para abandonarem qualquer tipo de relacionamento que tragam desde um simples constrangimento até a dimensão de um crime de maior potencial ofensivo.

Pinheirinho. net 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib