Últimas Notícias

Cid, ao tirar licença do Senado, prestigia Roberto e comando sucessão em Fortaleza


O senador Cid Gomes decidiu se afastar, por 120 dias, sem remuneração, das atividades no Senado para mergulhar nas articulações das eleições municipais de 2020. A licença é uma forma de prestigiar, também, o prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT). Com o afastamento de Cid, o primeiro suplente Prisco Bezerra, irmão de Roberto, assume, a partir da próxima quarta-feira (11), a vaga no Senado.

Cid quer administrar conflitos em bases políticas, manter o PDT coeso e trabalhar para garantir um número expressivo de vagas nas Câmaras Municipais e Prefeituras. Ele assume a Presidência da Executiva Regional do PDT e manterá uma intensa agenda de viagens aos municípios e reuniões na Grande Fortaleza para definição dos nomes com maior potencial eleitoral para a corrida das eleições de 2020.

Os pedetistas, sob a orientação de Cid Gomes, não têm pressa para definir o nome a ser lançado à sucessão do prefeito Roberto Cláudio, que, hoje, aparece com boa avaliação política e administrativa e forte poder de transferência de votos. O PDT tem, atualmente, três filiados que aparecem como pré-candidatos a prefeito – José Sarto (Presidente da Assembleia Legislativa), Samuel Dias (Secretário de Governo do Município) e Izolda Cela (Vice-governadora).

A agenda de Cid Gomes, com viagens ao Interior para conversar sobre eleições municipais, já começou e, no último sábado, esteve em Santa Quitéria para prestigiar o grupo de oposição à administração do prefeito Thomaz Figueiredo (MDB). Ao discursar, Cid chegou a dizer que não mais disputará eleições – ele tem mais sete de mandato no Senado.

A agenda, que o exigirá tempo e mais dedicação às atividades políticas, o levou a pedir licença do Senado porque a conexão Fortaleza-Brasília se tonaria exaustiva. O afastamento o poupa, também, de críticas por eventuais ausências ao Plenário do Senado. Cid está desenhando o mapa das eleições nos municípios, estudos as pesquisas, chama lideranças para reuniões na Capital e visita cidades que, nesse momento, merecem atenção na pauta pré-eleitoral.

O PDT trabalha para manter a Prefeitura de Fortaleza e quer avançar em municípios considerados estratégicos. A manutenção da Prefeitura de Sobral, hoje, sob o comando do prefeito Ivo Gomes, é outra importante prioridade. Cid assume o comando do PDT em comum acordo com o atual presidente da sigla, deputado federal André Figueiredo. 


Ceará agora