Vida de atleta é mais difícil do que se pensa. Mesmo durante as férias, os profissionais do esporte seguem uma rotina de treinos que exige disciplina, especialmente quando o momento de lazer coincide com um período pré-olímpico, como é o caso da armadora da Seleção Brasileira Feminina de Basquete, Tainá Paixão. 

De férias no Cariri pelo período de 15 dias, enquanto visita o namorado e aluno do Centro Universitário Doutor Leão Sampaio (Unileão), Devydson Andrade, a atleta aproveitou a estrutura da Academia-Escola da Unileão para manter o ritmo de treinos passado pelo preparador físico da Seleção Brasileira, Diego Falcão.
Sobre a experiência de treino na Academia-Escola da Unileão, a atleta disse ter ficado surpresa com a estrutura do local, que integra o Complexo Esportivo do único Centro Universitário do Cariri.

 “Eu achei nota 10, os aparelhos são todos novos e tem um espaço enorme para você aproveitar. Não imaginava que o campus era tão grande assim, gostei mesmo”, avaliou Tainá. Ela afirmou, ainda, que pretende voltar ao local se houver uma nova oportunidade de visitar o Cariri.
Com a Seleção Brasileira, Tainá foi campeã nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019, sendo um dos destaques na final contra os Estados Unidos, e vem da conquista do terceiro lugar na Copa América, em Porto Rico.
 A armadora também conquistou nesse ano a Liga de Basquete Feminino (LBF) com a equipe do Sampaio Correia, onde se destacou individualmente e, na Europa, ela jogou a temporada mais recente da Liga Portuguesa de Basquetebol Feminino pela A.D. Vagos (Portugal).

Postagem Anterior Próxima Postagem