Se depender da maioria dos filiados de Fortaleza, o PSOL apostará de novo em Renato Roseno como candidato a prefeito de Fortaleza em 2020.

O deputado estadual, inclusive, já disputou por duas vezes esse cargo: em 2008 e 2012.
Sobre o assunto, Roseno evitar comentar, mas reconhece que há necessidade de seu partido entrar no debate sucessório como forma de contribuir para um pleito de nível e que coloque em pauta assuntos do interesse da população.

O secretário-geral do PSOL, Técio Nunes, garante que Roseno é consenso para a peleja.

(Foto – ALCE)


Eliomar de Lima