Privatização dos Correios deve ser confirmada nesta quarta-feira

O governo deve anunciar oficialmente nesta quarta-feira (21) a privatização dos Correios e outras 16 estatais. De acordo com o Ministério da Economia, são várias justificativas, entre elas, corrupção, interferências políticas na gestão da empresa, ineficiência, greves constantes e perda de mercado para empresas privadas.

 

Nos estudos para a venda da estatal, a pasta aponta o rombo de R$ 11 bilhões no fundo de pensão dos funcionários, o Postalis. Além disso, o Postal Saúde, o plano que atende aos funcionários, tem um rombo de R$ 3,9 bilhões.


CN7