GOVERNO MUNICIPAL DE MILAGRES REVERTE DECISÃO DE DEVOLUÇÃO DE RECURSOS AO MINISTÉRIO DA SAÚDE E VAI FINALIZAR UBS'S - Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

O Blog mais completo do interior do Ceará com compromisso com a notícia.

Post Top Ad

ANUNCIE AQUI

01/06/2021

GOVERNO MUNICIPAL DE MILAGRES REVERTE DECISÃO DE DEVOLUÇÃO DE RECURSOS AO MINISTÉRIO DA SAÚDE E VAI FINALIZAR UBS'S

 

O Prefeito Figueiredo visitou algumas das UBS no início do ano

O município de Milagres, desde o ano de 2013, enfrenta problemas quanto as obras das Unidades Básicas de Saúde do Bairro Frei Damião e das comunidades de Carnaúba, Feijão e Santa Catarina. Embora iniciados, os trabalhos nunca foram finalizados penalizando diretamente os moradores das localidades.

Recentemente, o Governo Municipal recebeu a informação de que, como as obras não foram concluídas nas gestões anteriores, seria necessário devolver os valores disponibilizados pelo Ministério da Saúde, algo em torno de R$ 3 milhões.

Em recente viagem a Brasília, o Secretário de Saúde, Gean Feitosa, porém, conseguiu reverter a situação. O município não mais vai necessitar devolver os valores, mas se comprometeu em finalizar as obras com recursos próprios. Para tanto, já foi iniciado o processo licitatório para contratação da empresa que ficará responsável pelos trabalhos.

Na live transmitida na noite desta segunda-feira (31), com a participação do Prefeito Municipal, Cícero Figueiredo, e do Vice-Prefeito, Anderson Eugênio, e do Secretário de Saúde, Gean Feitosa, foram informados os valores atuais das contas dos respectivos processos das unidades de saúde.

Na conta da UBS Frei Damião, na sede, o saldo atual é de R$ 17.601,00. Na conta da UBS da Santa Catarina, o saldo é de R$ 15.501,00. Já na conta da UBS do Feijão, o saldo atual é de R$ 16.677,00. Por fim, o saldo atual da conta da UBS da Carnaúba é de R$ 15.854,00. Ou seja, praticamente não há recursos em caixa, repassados pelo Ministério da Saúde, para continuidade das obras.

Para finalizar as quatro UBS o município projeta investir mais de R$ 1,63 mi, já incluso a última parcela a ser repassado pelo Ministério, após a conclusão dos trabalhos.

"Salvamos uma situação. Comemoramos o cancelamento da devolução dos recursos que seria realizado diretamente no FPM. Trata-se de obras que se arrastam por anos e que agora, com muito esforço financeiro, vamos finalizar e entregar ao povo", disse o prefeito Figueiredo.

                              ASCOM 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Post Bottom Ad

Pages