A deputada federal Luizianne Lins e pré-candidata à Prefeitura de Fortaleza voltou, nessa segunda-feira (27), durante evento virtual para lançar uma plataforma voltada a atrair a participação popular na formulação do plano de governo, a descartar a possibilidade de retirada de sua candidatura para possibilitar a formação de uma aliança no logo primeiro turno das eleições na Capital. Luizianne sofre pressões para abrir mão da disputa e apoiar uma aliança com o PDT.


A petista até deixou transparecer que, se o candidato da aliança fosse o ex-deputado estadual Nelson Martins, o quadro poderia mudar.



 “Em nenhum momento o governador me assegurou que o Nelson (Martins) seria o grande catalisador, o cabeça de chapa. E o PT nacional estabeleceu que não vai abrir mão da cabeça de chapa em Fortaleza. Se eu fosse o problema, estaria resolvido”, expôs Luizianne, ao dizer, ainda, que o problema para fechamento de um acordo não é o PDT mas sim algumas lideranças do partido. 


Flávio Pinto 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib