images/stories/homenagem felisberto.docx.jpg 8.jpg

Um momento de homenagem ao Dia do Professor e o reconhecimento a um dos nomes que constitui o quadro docente da Universidade Regional do Cariri (URCA), aconteceu nesta quarta-feira, 14, na Instituição, no Salão da Terra. O encontro ocorreu com a presença do quadro docente do curso de Economia da Universidade e a administração, no momento da entrega de Placa de Honra ao Mérito ao Professor do Departamento de Economia da URCA, Felisberto Nunes de Oliveira.

Ele foi agraciado pelos relevantes serviços prestados à instituição, além de contribuir para o seu crescimento e desenvolvimento. Na ocasião, foi debatido o processo de expansão da universidade, através das suas potencialidades, com a contribuição do professor através do projeto URCA 2035, envolvendo ações a serem encampadas em prol da expansão da universidade, a partir de uma realidade que precisa ser direcionada com os objetivos e ações para os próximos 15 anos.

O momento também foi de depoimentos de professores contemporâneos de Felisberto, que chegaram à URCA no início dos anos 70, a exemplo da Professora Dilza Rodrigues Esmeraldo, que emocionada prestou sua homenagem ao colega. Ela destacou o começo da vida profissional, em 1971, momento de lutas em que o professor se sobressaia pelas qualidades profissionais e que continha como características a positividade, força de caráter e a luta pela vida.

Em forma de acróstico com o nome do homenageado, o Professor Marcos Eliano Tavares, abriu as homenagens a Felisberto, com isso destacando qualidades de um grande profissional, e pessoais, com a sua luta para viver, diante das dificuldades e para vencer a doença. “Elogiado pelos alunos e admirado pelos professores, um professor de mão cheia, com originalidade, com a marca do seu talento”, disse.

Ainda participaram do momento professores de outros Departamentos, o Reitor Francisco do O' de Lima Junior, Vice-reitor Carlos Kleber, o ex-reitor da URCA, Patrício Lima. O encontro com poucas pessoas, contou com adequações para seguir às normas relacionadas à prevenção da Covid – 19.

Professor Ronald Albuquerque disse que esse era um momento de confraternização. Ele lembrou da importância de pioneiros no processo de criação e desenvolvimento da URCA. A Professora Laudeci Martins se emocionou ao destacar a escolha que Felisberto teve por viver.  “Um professor afeta a eternidade. Você afetou a minha", disse ela, ao colocar que a história não vai passar, porque é da energia da modernidade, do útero da vida. Outro aspecto da personalidade de Felisberto foi lembrado pelo Professor Pedro Barros, que ressaltou a verve do homem da cultura que no projeto Rondon animou as viagens a som do violão, no final da década de 70.

images/stories/homenagem felisberto.docx.jpg 7.jpg

URCA 2035

Ao fazer uma menção pelo Dia do Professor, que transcorre nesta quinta-feira, 15 de outubro, o Reitor Lima Júnior fez uma breve apresentação do projeto URCA 2035, do Professor Felisberto.

O Projeto faz um levantamento de uma URCA para o futuro, abordando as suas potencialidades, envolvendo desde questões pedagógicas, de conhecimento, números, potencial humano, análises, propostas de ampliar a divulgação institucional, os seus setores, a exemplo do papel do DEG na Universidade, sua organização.

Para Lima Júnior, Felisberto quer colocar as expertises a serviço da Universidade e da comunidade. O Professor Patrício Melo destacou a força de trabalho e o potencial da Universidade, encampando grandes concursos, a exemplo do Crato. “Esse momento foi de pensar o futuro da Universidade”, disse ele, ao abordar a proposta apresentada.

O Vice-Reitor, Professor Carlos Kleber de Oliveira, falou do sonhador e pragmático como características de Felisberto, além da objetividade para que o sonho aconteça. Ele agradeceu em nome de todos e ressaltou a proposta de construção para a universidade. “Até 2035 todos poderemos estar comprometidos com esse projeto”, disse.

 

Papel transformador da URCA

O Professor Felisberto destacou o conhecimento existente na URCA suficiente para transformar a região do Cariri. Ele propôs a criação de um personagem nordestino para levar esse conhecimento de forma facilitada para as pessoas no projeto que desenvolveu. “Deveimages/stories/homenagem felisberto.docx.jpg 5.jpgfazerisso para a nossa criança despertar”, disse. Ele ainda ressaltou a competência institucional que a universidade apresenta, com profissionais que não deixam a desejar aos dos grandes centros do País. “O meu projeto não é fechado, mas para quem acredita nessa universidade”, afirmou.

Com palavras de otimismo quanto ao futuro da URCA, Felisberto ressaltou que esse é o momento de todos acreditarem, de terem fé naquilo que cada um precisa fazer e ainda enfatizou o momento como de grande alegria para a sua vida.

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib