A presidente eleita, desembargadora Regina Gláucia Cavalcante (centro), com a desembargadora Fernando Uchoa, futura vice-presidente, e o desembargador Paulo Régis Botelho, eleito corregedor do TRT/CE
A presidente eleita, desembargadora Regina Gláucia Cavalcante (centro), com a desembargadora Fernando Uchoa, futura vice-presidente, e o desembargador Paulo Régis Botelho, eleito corregedor do TRT/CE

O Tribunal Regional do Trabalho do Ceará (TRT/CE) elegeu, nesta sexta-feira (9/10), seus novos dirigentes para o biênio 2021-2022. A desembargadora Regina Gláucia Cavalcante Nepomuceno foi eleita, por unanimidade, presidente. Para vice-presidente, foi escolhida a desembargadora Fernanda Maria Uchoa de Albuquerque e para corregedor-regional, foi eleito o desembargador Paulo Régis Machado Botelho. A data da posse dos novos dirigentes do TRT/CE ainda será definida.

A futura presidente do TRT/CE ingressou na magistratura em 1990, quando tomou posse como juíza do trabalho substituta em Manaus/AM. Em 1992, foi transferida para a Justiça do Trabalho cearense, onde atuou nas varas do trabalho de Juazeiro do Norte, Crateús e nas 8ª e 13ª Varas do Trabalho de Fortaleza. Foi promovida a desembargadora do TRT/CE, por merecimento, pela então presidente da República Dilma Rousseff, no dia 10 de outubro de 2012, e empossada desembargadora do TRT/CE no dia 18 de outubro do mesmo ano. Atualmente, ela ocupa o cargo de vice-presidente.

A vice-presidente eleita, desembargadora Fernanda Maria Uchoa de Albuquerque, é oriunda do Ministério Público do Trabalho, onde ingressou em 1983. Foi procuradora-chefe da Procuradoria Regional do Trabalho da 7ª Região a contar de setembro de 1999, e empossada desembargadora do TRT/CE no dia 31 de março de 2014. Atualmente, exerce o cargo de ouvidora-regional.

A sessão extraordinária do Tribunal Pleno foi acompanhada por magistrados e servidores
A sessão extraordinária do Tribunal Pleno foi acompanhada por magistrados e servidores

O futuro corregedor da Justiça do Trabalho do Ceará, desembargador Paulo Régis Machado Botelho, é natural de Fortaleza. O magistrado ingressou na Justiça do Trabalho do Ceará como juiz do trabalho substituto em 1994. Promovido a juiz titular em 2003, atuou nas Varas do Trabalho de Sobral, Iguatu, Limoeiro do Norte e na 4ª Vara de Fortaleza. Antes de assumir o cargo de desembargador do TRT/CE, em 2018, era juiz titular da 18ª Vara do Trabalho da capital.

Escola Judicial e Ouvidoria

Também foram eleitos os dirigentes da Escola Judicial (Ejud7) e o novo ouvidor da Justiça do Trabalho do Ceará. Para diretor da Escola foi escolhido o desembargador Tarcísio Lima Verde Júnior. O magistrado já dirige a unidade desde julho de 2018. O desembargador Francisco José Gomes da Silva assumirá a vice-direção da Ejud7. A Ouvidoria ficará a cargo do atual presidente do TRT/CE, desembargador Plauto Porto.  


   ( Assessoria de Comunicação TRT CE ) 


Veja álbum de fotos aqui.

A presidente eleita do TRT/CE agradece seus pares
A presidente eleita do TRT/CE agradece seus pares

 
 
 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib