Últimas Notícias

Caixa reduz quantidade de operações realizadas na Região Nordeste


A Caixa reduziu a concessão de novos empréstimos para o Nordeste neste ano, de acordo com levantamento feito pelo Estadão/Broadcast com base nos números do próprio banco e do sistema do Tesouro Nacional.

Até julho deste ano, o banco autorizou novos empréstimos no valor de R$ 4 bilhões para governadores e prefeitos de todo o país. Na Região Nordeste, foram fechadas menos de dez operações, que juntas totalizam R$ 89 milhões, cerca de 2,2% do total. A quantidade de operações é muito menor do que em anos anteriores.

Em 2018, a região recebeu R$ 1,3 bilhão, o equivalente a 21,6% dos R$ 6 bilhões fechados pela Caixa em operações para governos regionais. No ano de 2017 também não foi diferente, a Região Nordeste recebeu 18,6% do total de contratos fechados pelo banco.

De acordo com informações do Estadão/Broadcast, com fontes do banco e da área econômica, a ordem para não contratar operações para os estados e municípios do Nordeste veio do presidente Pedro Guimarães. Em resposta, o Guimarães afirmou que o banco não tem uma política de redução de empréstimos para o Nordeste.
A Caixa é um banco matemático. Já conversei internamente. Não existe nenhum direcionamento. Isso não existe. Somos o banco de todos os brasileiros, disse o executivo.
As operações do Nordeste neste ano saíram para seis municípios baianos, um de Pernambuco e outro de Sergipe.