Camilo Santana faz apelo dramático sobre lotação de hospitais e prevenção contra à Covid-19

 












O governador Camilo Santana (PT) voltou às redes sociais, na noite deste domingo, para, em tom de alerta e de extrema preocupação, deixar um duro recado para a população e para lideranças empresariais dos diferentes ramos de atividades econômicas:

‘’Está aumentando de forma considerável e preocupante a ocupação dos leitos Covid na rede pública e também privada’’, alertou o governador cearense, que não escondeu, em suas palavras, o cenário dramático da pandemia no Ceará.

Com base em relatórios atualizados durante várias vezes ao dia, Camilo não quis ser alarmista, nem fazer alarme, mas, no traço de serenidade que o acompanha, expôs o sentimento retratado a área médica. Os profissionais de saúde que estão na linha de frente do atendimento às vítimas da Covid-19 revelam a angústia e, ao mesmo tempo, o cansaço para salvar vidas nos hospitais públicos e privados.

A nota distribuída pelo Governador Camilo Santana tem outros pontos de preocupação: “a situação é de alerta, e merece atenção de todos. Continuamos ampliando os leitos de enfermaria e UTI nos equipamentos do Estado’’, afirma Camilo, ao revelar, no comunicado pelas redes sociais, que, por exemplo, o Hospital Leonardo da Vinci, no Bairro Aldeota, em Fortaleza, já tem o triplo de leitos de UTI do que tinha há dois meses, e a ocupação vem chegando perto do limite.

Camilo volta a fazer um apelo para as pessoas manterem o distanciamento social e cultivarem hábitos de prevenção, como o uso da máscara e a higienização das mãos.

‘’É muito importante que todos se protejam, evitem aglomerações e só saiam de casa quando necessário e usando máscara’’, ponderou Camilo Santana, ao falar, ainda, sobre o esforço do Governo do Estado para ampliar o número de pessoas vacinadas contra à Covid-19.

Segundo Camilo, o Governo Estado tem buscado acelerar o processo de vacinação para imunizar o máximo de pessoas, principalmente, os mais idosos. Há, porém, mesmo com todos os esforços, limitação. O processo de imunização, conforme o governador, vai demorar até pela oferta limitada de vacinas.

Diante desse quadro, Camilo reafirmou o alerta: ‘’Até que a imunização chegue a todos os cearenses, só há uma forma de evitar a multiplicação de casos: a prevenção. Nada é mais importante que a vida’’, escreveu em recado aos mais apressados na volta à normalidade de atividades em diversos setores da economia.

Abaixo, íntegra da nota do Governador Camilo Santana


 

Postar um comentário

0 Comentários