Em Juazeiro do Norte, as Eleições 2020 contaram com cinco candidatos para ocupar o cargo. Na disputa, há uma chapa formada apenas por mulheres: Ana Paula Cruz (PSB) e Andréa Landim (REDE). A convenção de lançamento da candidatura aconteceu no último dia 15, na qual contou com a participação dos pré-candidatos da coligação, formada pelos partidos: Democracia Cristã (DC), Rede Sustentabilidade (REDE), Partido Trabalhista Cristão (PTC), Patriotas e o Cidadania.

Apesar da candidatura pioneira para a prefeitura de Juazeiro do Norte, Ana Paula Cruz tem a política no sangue: o avô dela, José Geraldo da Cruz foi prefeito juazeirense por cinco vezes, e o pai, Carlos Cruz, teve duas gestões.

Ela já representou a cidade onde nasceu na Assembleia Legislativa do Ceará, onde foi três vezes deputada estadual, entre os anos de 2003 e 2012. Além disso, Ana Paula é assistente social, pedagoga e engenheira civil, e ex-secretária de Assistência Social do município.

Diante de todo o legado familiar que ela carrega, a candidata espera fazer história em Juazeiro, sendo a primeira mulher prefeita e a terceira geração de uma família a administrar a cidade. “Meu avô foi prefeito cinco vezes, meu pai duas vezes, e [eu] chegando a prefeitura, nós estaremos fazendo história, porque nenhuma família em Juazeiro conseguiu esse feito de três gerações à frente da prefeitura. Também estaremos fazendo história, porque nenhuma mulher foi prefeita dessa cidade. Para mim é uma responsabilidade muito grande”, enfatizou a candidata do PSB.

Diante do plano de governo, Ana Paula afirmou que há um foco principal em políticas públicas para as mulheres. “Dentro do plano, pensamos em projetos voltados no combate a violência contra a mulher. [Nós] moramos numa região têm altos índices de violência contra o sexo feminino. Além disso, vamos pensar na prevenção e projetos para as vitimas, que ao longo da campanha vamos dando detalhes”, finalizou.

A candidata a vice-prefeita, Andréa Landim (REDE), é a primeira vez que está concorrendo. Na cidade, ela já realizou trabalhos como médica, ex-diretora do Hospital Regional do Cariri (HRC) e do SANDU, atual Unidade Mista César Cals. Além do plano voltado para mulheres, ela afirmou que a saúde também é uma prioridade. “Estamos pensando também na saúde da mulher, do idoso, das nossas crianças. Fazer um hospital de qualidade, com cuidados focados na UTI, para que o povo possa ter assistência adequada”, disse a médica.

Para ela, a união com Ana Paula promete bons frutos. “Espero que a junção do legado de Ana Paula e família, nesse projeto que eu acredito e vejo com respeito possa dar certo”, concluiu. 


( Badalo) 

Bottom Ad [Post Page]

| Designed by Colorlib