Uma mulher identificada como Maria da Glória Pereira Machado, de 33 anos que era mais conhecida como “Leleca” morreu na noite desta quinta-feira (21), em Lavras da Mangabeira (CE) após ter sido alvejada com três disparos de arma de fogo nas costas. O caso aconteceu por volta das 20h30min, no Bairro Nova Cidade.  Na ocasião, o companheiro dela, Aparecido Júnior de Souza Alves, de 30 anos foi atingido com cinco tiros nas pernas.
 
O crime foi cometido por indivíduos que fugiram antes de serem identificados. O casal foi socorrido ao hospital São Vicente Ferrer de Lavras da Mangabeira, mas a vítima do sexo feminino faleceu ainda no trajeto. O homem após receber atendimento na unidade hospitalar do município, acabou transferido para o Hospital Regional do Cariri na cidade de Juazeiro do Norte-CE.
 
A polícia de Lavas da Mangabeira informou que “Leleca” já possuía antecedentes criminais por tráfico de drogas e que Aparecido além de responder pela mesma modalidade de crime,  também possui antecedentes criminais por infração ao Estatuto do Desarmamento  e  está cumprindo pena condenatória em regime semiaberto monitorado por tornozeleira eletrônica. Diligencias em torno do fato foram realizadas pela polícia militar, mas até o fechamento dessa matéria, nenhum suspeito havia sido preso.

DA AGÊNCIA CARIRICEARA
Postagem Anterior Próxima Postagem