Últimas Notícias

Funcionários dos Correios aceitam orientação do TST e adiam greve



Correios devem funcionar normalmente por pelo menos mais 30 dias no Ceará.
Correios devem funcionar normalmente por pelo menos mais 30 dias no Ceará. (Foto: Alex Gomes/Especial para O POVO)
Funcionários dos Correios decidiram adiar a paralisação com início previsto para a noite dessa quarta-feira, 31. A decisão atende uma orientação acordada em audiência de conciliação entre a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas dos Correios e Similares (Fendetect) e representantes da empresa pública, mediada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST).
Na reunião, o ministro Renato Paiva pediu maior prazo para elaboração de uma proposta que contemple as reivindicações dos trabalhadores. Entre as principais exigências dos funcionários da ECT estão o reajuste salarial de 6% (contra 0,8% oferecido pela empresa) e a manutenção dos pais dos empregados como dependentes do plano de saúde.

Em assembleia na noite dessa quarta-feira, o Sindicato dos Trabalhadores em Correios, Telégrafos e Similares do Estado do Ceará (Sintect-CE) decidiu manter o estado de greve, prorrogar as negociações no TST até o fim do mês de agosto e intensificar a mobilização da categoria.


o Povo