Agricultor é morto a facadas em Aurora, no Ceará

“Coca de Zé Morais” Hospital Geral Ignêz Andreazza, mas faleceu minutos depois - Foto: Arquivo
Por Henrique Macêdo
Um homicídio a faca foi registrado em Aurora, na região do cariri cearense, na manhã deste domingo (4), configurando-se o primeiro Crime Violento Letal Intencional (CVLI) no município neste ano, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS).
Segundo o registro policial, no sábado (3), o agricultor Marcos Aurélio Salviano, apelidado por “Coca de Zé Morais”, que no próximo dia 20 estaria completando 33 anos de idade, morador da região da Caixa D’água, Distrito de Ingazeiras, entrou em vias de fato por motivos banais com Francisco Reis Pereira, 33 anos de idade também agricultor e morador da mesma localidade. “Coca de Zé Morais”, de posse de uma faca peixeira, lesionou seu colega de profissão que foi socorrido ao Hospital Geral Ignêz Andreazza sendo medicado em seguida liberado.
Hoje, domingo (4), por volta das 07 horas, Francisco veio a se encontrar com “Coca de Zé Morais”, ocasião em que os dois tiveram entrevero, que resultou em homicídio. A vítima, sofreu várias lesões e foi socorrida às pressas ao Hospital de Aurora, onde faleceu minutos depois. Após o ato criminoso, o homicida se evadiu para lugar ignorado.
O rabecão da pefoce foi acionado e recolheu o corpo de “Coca de Zé Morais” ao Núcleo da Perícia Forense, em Juazeiro do Norte, para ser necropsiado.
O corpo de “Coca de Zé Morais” será velado amanhã, segunda-feira (5) na residência de familiares, no Distrito de Ingazeiras. O horário do enterro ainda está a ser definido.
Este foi o primeiro homicídio do mês de agosto em Aurora e também o primeiro de 2019 no município. A última ocorrência aconteceu no dia 10 de agosto de 2018, quando um adolescente de 15 anos foi encontrado morto com marcas de perfuração a bala.