Camilo Santana abre as portas do PSB para disputas às prefeituras do Cariri em 2020


 
Camilo Santana
Angustiado com o rumo que as tensões políticas têm seguido no Cariri, o governador Camilo Santana tentará uma solução emergencial para abrigar todos os seus aliados na região: vai disponibilizar o PSB para agregar dissidentes de PDT e PT, no intuito de construir consenso.

Onde não houver união entre esses dois partidos, Camilo decidiu que o candidato a prefeito sairá do PSB.

Em Barbalha, nomes como o ex-prefeito João Hilário e o empresário Guilherme Correia, ambos do PDT, avaliam a mudança de legenda. Hilário está descontente com a radicalização do presidente do PDT barbalhense, Geraldo Sinésio, que tenta impor uma candidatura pedetista a qualquer preço.

Já Guilherme está sendo orientado a fazer a mudança para sair do meio da tensão entre PT e PDT. A tendência, assim, é que o presidente Sinésio fique falando sozinho e o PT se desgaste na disputa.

 CN7