Prefeitura de Maracanaú solicita ao MP avançar para a Fase 3 da vacinação contra a Covid-19 - Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

Blog Amaury Alencar - O Mais completo do Interior do Ceará

O Blog mais completo do interior do Ceará com compromisso com a notícia.

Post Top Ad

ANUNCIE AQUI

24/05/2021

Prefeitura de Maracanaú solicita ao MP avançar para a Fase 3 da vacinação contra a Covid-19

 



Prefeitura de Maracanaú pede autorização do Ministério Público do Ceará para começar a vacinar na Fase 3 (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)
Prefeitura de Maracanaú pede autorização do Ministério Público do Ceará para começar a vacinar na Fase 3 (Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A Prefeitura de Maracanaú, por meio da Secretaria de Saúde, enviou um ofício ao Ministério Público do Ceará nesta segunda-feira, 24, solicitando autorização para avançar para a Fase 3 da vacinação contra a Covid-19 no município. A etapa prevê a imunização de pessoas com comorbidades, deficientes permanentes, gestantes e puérperas.

O pedido de autorização acontece porque a meta determinada pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB) referente à Fase 2 não foi concluída, apesar dos esforços empreendidos. Desse modo, para não comprometer o andamento da vacinação, a secretaria do município solicita a progressão de fase.

Oswaldo Scaliotti, assessor da Prefeitura, explica que o CIB exige que todas as faixas etárias da Fase 2 estejam acima de 90% para a primeira dose. Na faixa 60 a 64 anos, por exemplo, o município concluiu apenas 71,31% de aplicações com uma dose, obstruindo o processo. Em um contagem geral, no entanto, o percentual de vacinados na segunda fase com a primeira dose é de 91%.

 A Secretaria de Saúde avalia os fatores que levaram ao entrave. “Pode ter sido estimada de forma imprecisa as faixas de idade pelo IBGE, parte das pessoas que moram nas divisas entre os municípios pode ter se vacinado em outras cidades, por questão do endereço, e também desinteresse ou recusa em tomar a vacina por uma menor parte da população”, pondera Scaliotti.

O município, por sua vez, garante ter realizado todas as ações para divulgação da campanha, desde “vacinação em domicílio, até publicidade em mídias sociais, carros de som, etc”.

A Prefeitura afirma que já dispõe de 82% das doses para atender o público preconizado na Fase 3, enquanto aguarda autorização formal do Ministério Público para iniciar as aplicações.

                      ( o povo) 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Post Bottom Ad

Pages